Turismo Madeira
Torneio do CAB
 
 
 
LIGA MASCULINA: CAB x Vitória SC - dia 15/04/2018 às 15h00    LIGA MASCULINA: CAB x SLBenfica 13/04/2018 às 20h15    Horários da Formação: Poderá consultar os horários dos treinos da formação aqui    LIGA FEMININA: CAB x U. Sportiva dia 14/04/2018 às 14h15    
 
 
NOTÍCIAS
 

10/10/2015
CAB DOMINOU SPORTING

Defesa e agressividade levaram Amigas à vitória

No Funchal, a equipa feminina do CAB recebeu o Sporting. No jogo inaugural da Liga Feminina, as Amigas procuravam entrar da fase regular com o pé direito, mas, do outro lado, tinham uma equipa organizada e muito bem reforçada que vinha à Madeira para tirar partido das limitações das madeirenses.

De recordar que, no CAB, Morgan Bailey estava de fora com um pé partido enquanto muitas outras jogadores estavam severamente condicionadas (Joana Lopes com problemas nas costas, Filipa Bernardeco com uma hérnia, Marta Bravo com uma fissura discal e Aleighsa Welch com uma ruptura muscular na coxa).

No primeiro período, começou melhor o CAB. A demonstrar grande agressividade e uma alegria de jogar, as da casa chegaram ao fim dos primeiros cinco minutos a vencer por 12-7. Porém, a partir daí, o jogo começou a correr menos bem para as Amigas. Do outro lado, o Sporting, liderado pela madeirense Catarina Caldeira, também ela formada no CAB, inverteu o resultado e chegou ao fim do primeiro período com o resultado empatado a 15 pontos.

No segundo período, o CAB entrou determinado a inverter o rumo dos eventos. Para tal, as Amigas tentaram alternar o seu jogo interior com o jogo exterior, com destaque para a prestação que estava a fazer Carolina Escórcio, claramente a jogadora mais activa nesta fase do encontro.  

Porém, com o passar dos minutos, as madeirenses foram acusando, e muito, o facto de serem ainda uma equipa incompleta, em construcção e em busca de uma identidade própria. O equilíbrio manteve-se ao longo do segundo tempo, com nenhuma formação a ‘descolar’ no marcador. Sem surpresa, o intervalo chegou com o resultado a 32-31, a favor do CAB, mas com o jogo totalmente em aberto.

No regresso dos balneários,  o CAB entrou de forma completamente diferente. As jogadoras da casa empenharam-se na defesa e… correram. Estes dois simples aspectos fizeram toda a diferença. Com 5 minutos jogados no terceiro tempo, o CAB liderava por 46-37, e, no final do terceiro tempo, a liderança do CAB era já de 15 pontos (60-45).

No quanto período, embaladas por uma renovada agressividade nos aspectos defensivos, o CAB não deu qualquer hipótese ao Sporting. As Amigas evidenciaram fios de entendimento entre as suas jogadoras no lado ofensivo do campo, enquanto na defesa a equipa deixou a mensagem clara de que, quando quer e é agressivo, o CAB é uma equipa muito difícil de transpor. Os bons sinais para o futuro foram dados e resta confiar que o empenho das atletas nos treinos e nos jogos continuará a fazer a diferença.

A liderar por 20 pontos no ultimo período, o treinador João Pedro lançou Karolina Sierska, que até esteve muito perto de marcar, fazendo uma estreia positiva. No final do encontro, o amrcador assinalava 88-63, um resultado que espelhava a agressividade defensiva do CAB e o aumento de intensidade que as da casa trouxeram ao jogo na segunda parte do encontro.  

Em termos individuais: Cintia França (6), Filipa Bernardeco (2), Sara Barreira (4), Joana Lopes (12), Leonor Nunes (6), Aleighsa Wekch (17), Ejay Ofomata (21), Carolina Escorcio (20).

OBRIGADO COLÉGIO DO INFANTE

Continuar...


 



Hino Oficial do Clube Amigos do Basquete

 

 

 
 
 
 
 
cab-madeira.com © 2018. Todos os direitos reservados. Desenvolvimento: www.mdxmedia.com